QUEM USA DROGAS É DOENTE?

Fonte: Ivan Mario Braun.

Geralmente, quando se pensa numa pessoa doente, imagina-se alguém com determinado problema físico ou, no caso de problemas mentais, com um comportamento bizzaro ou sofrimento causado por problema cerebral. No caso do usuário de drogas, ao menos numa fase do problema, pode não ocorrer esse tipo de manifestação. Assim, para o leigo, parecerá inexplicável, usa substâncias prejudiciais. Não se sabe ao certo se existe alguma sutil alteração cerebral nos usuários de drogas (ou numa parte deles) ou se há apenas um comportamento alterado. Está claro, porem, que usar drogas não é uma simples opção. Principalmente no caso de dependentes, ninguém usa drogas só porque gosta; existe toda uma dificuldade de a pessoa livrar-se do comportamento de consumir drogas. O mais importante é não ter raiva do usuário e sim entender suas dificuldades e limitações e ajudá-lo a superá-las. Por outro lado, a possibilidade de a dependência de drogas ter uma causa pelo menos parcialmente cerebral não deve servir como desculpa para o usuário não tentar controlar seu comportamento. Pois, em muitos casos, é possível conseguir esse controle.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque